Significado de Antropofagia


O que é Antropofagia



Antropologia é uma junção das palavras gregas anthropos (homem) e logos (estudo, razão, pensamento).

A antropologia é a ciência que estuda o homem e a humanidade como um todo, ou seja, estuda todas as dimensões apresentadas pela presença do homem na Terra, considerando para isso a Antropologia Cultural, quando o estudo é voltado para as maneiras e culturas de sobrevivência do homem, e a Antropologia Biológica, voltada para a evolução da espécie durante a história.

A história mostra que, principalmente os filósofos, sempre se voltaram para a reflexão sobre as sociedades conhecidas, procurando saber mais sobre o homem e seu comportamento social. A Antiguidade Clássica é cheia de exemplos, através do pensamento dos grandes filósofos gregos, entre os quais podemos destacar Heródoto, que até hoje é considerado o pai da História e da Antropologia.

A antropologia, no entanto, como ciência, teve suas raízes lançadas durante o Movimento Iluminista, no século XVIII, quando aconteceram as primeiras aplicações de métodos e classificações para a raça humana. Foi exatamente nessa época que os europeus começaram a estudar o relato de viajantes, as histórias dos missionários e as bravatas dos comerciantes sobre os hábitos existentes em diversas partes do mundo, considerado então selvagem pelos europeus, criando assim os primeiros debates sobre a condição humana e propiciando o início do desenvolvimento de estudos antropológicos.

O estudo da antropologia envolve a integração de muitas disciplinas, buscando definir e refletir sobre as dimensões biologias, culturais e sociais das diversas comunidades existentes no mundo.

Assim, podemos estabelecer a Antropologia Física ou Biológica, que é exatamente aquela que estuda os aspectos genéticos e biológicos, diferenciados entre as diversas raças existentes no planeta.

A Antropologia Social, por seu lado, é a que estuda o comportamento do homem enquanto ser social, procurando desvendar sua organização social e política, suas relações sociais e suas instituições, criadas para manter o grupo unido.

A Antropologia Cultural tem o seu lado investigativo buscando as raízes humanas no tempo e no espaço, com o conhecimento sobre costumes, mitos, crenças, valores, religião, idioma e rituais. Esta Antropologia Cultural acaba se dividindo em especialidades, como a Etnografia, a Etnologia, a Arqueologia e a Linguística.

No seu início, quando nos lembramos do século XVIII e dos primórdios da Antropologia, ainda era uma ciência no seu nascedouro e o pensamento humano ainda não pensava nela como uma ciência, e sim como estudos desenvolvidos sobre o que estava se conhecendo do gênero humano.

O século XIX marcou um espaço evolutivo para a Antropologia, com a visão de Boucher de Perthes e seus estudos do homem pré-histórico, discutindo a vida cotidiana dos primeiros homens através dos achados arqueológicos. Foi nessa época que se estabeleceu os períodos conhecidos como Idade da Pedra, classificando as diferenças culturais entre os períodos Paleolítico e Neolítico.

Foi também no século XIX que Charles Darwin começou a sua teoria da evolução, com a publicação do livro Origens das Espécies, criando as bases de uma Antropologia que só iria tornar-se verdadeira ciência a partir do século XX.

Como Antropologia, a ciência conquistou o seu lugar apenas no século XX. Antes, poderia ser vista apenas como História Natural e Física do ser humano e do seu processo evolutivo no tempo e no espaço. Desta maneira, o campo de estudos ainda era restrito às características do homem físico. Havia, nessa época, até mesmo a ideia da antropometria, uma pseudociência que pretendia investigar e definir o homem através das suas medidas, principalmente do cérebro, considerando que criminosos e selvagens possuíam conformação craniana diferenciada do homem evoluído.

Atualmente, a Antropologia é vista como uma ciência da humanidade e da cultura humana, com um campo de investigação muito mais vasto, abrangendo a totalidade da cultura através do tempo, do espaço e da própria história atual, com análises sobre o comportamento humano dos diversos países e de suas raízes culturais.

As diversas linhas de pensamento da Antropologia ainda hoje dividem muitos estudiosos, cada um procurando ater-se a um tipo de linha filosófica e doutrinária, que pode confundir quem se presta a se aprofundar nos estudos antropológicos. O que se evidencia, no entanto, é que as diversas linhas de pensamento acabarão por ter uma convergência, visto que chegamos ao ponto da grande descoberta de que somos apenas uma raça, divididos apenas pelo tempo e espaço e culturas criadas através dos séculos.


O significado de Antropofagia está na categoria Geral

O que você achou deste artigo ?

Am e Pm | Amizade Colorida | Antropofagia | Siglas Avatar