Significado de Humanismo


O que é Humanismo



Humanismo representa uma nova visão do homem em relação a Deus e a si mesmo.  Nesse sentido significa valorizar o ser humano. Com isso o Teocentrismo começa a desmoronar dando lugar ao Antropocentrismo (o homem como centro do Universo).

A preocupação passa a ser a generosidade e compaixão para com o ser humano. As pessoas têm internalizada a capacidade de realização própria. Esse processo de humanização, dessa nova cultura, faz com que o homem comece a ver-se não mais como imagem de Deus, e sim como ser humano mais ligado a sua natureza física.

Nessa época também tem início as grandes navegações, o que faz com que as conquistas humanas sejam mais valorizadas. O homem passa a acreditar na sua capacidade de dominação da natureza e do desconhecido, através de seu próprio esforço, coragem e saber.

A filosofia humanista caracteriza-se principalmente pela passagem da Idade Média para Idade Moderna. O mundo medieval destacava-se por sua hierarquia muito rígida. Mas essa rigidez acaba sendo estremecida pelo surgimento de uma nova classe social: A burguesia.

Todos esses fatores acabam desencadeando um processo que atinge seu pico máximo no renascimento.

  Principais Características do Humanismo

  • Transição da Idade Média para Idade Moderna;
  • Homem como centro do Universo (antropocentrismo);
  • Humanização da cultura;
  • Surgimento de uma nova classe social: Os burgueses;
  • Maior valorização do ser humano;
  • Maior valorização ao status econômico do que aos títulos de nobreza;
  • Afrouxamento do regime feudal de servidão;
  • Surgimento das cidades e o incremento do comércio;
  • Descoberta de uma nova posição do homem no mundo.

Humanismo e Renascimento

A Idade Média era considerada pelos renascentistas como um período de trevas. O Humanismo e o renascimento foram responsáveis pela ruptura com a era medieval. Houve a valorização da razão em contraposição a fé religiosa.

O Renascimento atuou não só em relação às artes, mas também houve grandes transformações nas Ciências com o surgimento de grandes cientistas.  O humanismo se torna a nova visão dos Renascentistas, tendo como principal fator a valorização do ser humano e suas capacidades.

Humanismo e Literatura

A prosa, a poesia e principalmente o teatro produzido nesta época demonstram a transição da visão do homem Renascentista. A poesia do período Humanista compreende a chamada poesia palaciana, tendo como destaque uma coletânea chamada Cancioneiro Geral, escrita por Garcia de Resende e publicada em 1516.

No teatro destaca-se a produção literária de Gil Vicente. Em sua obra ele demonstra sua característica bem marcante da nova visão do ser humano no contexto humanista.

Humanismo Laico

Também chamado de Humanismo Secular se caracteriza pela visão do homem como um ser ético e moral independentemente de religião e sendo capaz de assumir suas próprias decisões.

Geralmente os humanistas seculares são ateus ou agnósticos. Valorizam mais o uso da razão e do método cientifica em detrimento a superstições ou religiosidade. Acreditam que o ser humano pode ser responsável por si mesmo sem precisar apelar pela ajuda de Deus.

A base do Humanismo laico é a razão e a ciência em detrimento a qualquer dogma religioso ou pseudociência. Busca constante de um melhor conhecimento sobre o mundo.

Humanismo e Psicologia

A psicologia humanista se deu na década de 50, obtendo seu ápice entre os anos 60 e 70. Ela surge como uma reação às ideias psicológicas da época. A psicologia humanista acreditava no potencial que o ser humano tinha de se autorrealizar.

O movimento teve muitas influências oriundas das filosofias existenciais e da fenomenologia. Otimista acima de tudo, a psicologia humanista acreditava na liberdade e no alto potencial do ser humano. Acreditava que a pessoa tinha internalizada a capacidade de realização própria.

Humanismo e Classicismo

O humanismo revelou uma nova posição do homem diante da realidade que o cercava e com isso uma nova visão de mundo começava a se formar. Essa nova concepção vai se solidificar durante o Renascimento. Época de grandes transformações culturais, políticas e econômicas que caracterizaram a Europa dos Séculos XVI e XVIII.

O Classicismo ou Quinhentismo, como também era chamado, marca o período literário que se iniciou na época do Renascimento. O Classicismo surgiu na Itália, durante a queda do Império Bizantino. Este período ficou marcado pela busca de tentar reviver muito tipos de artes perdidas, como a música e o teatro.

Enfim, foi no século XVI, dentro do movimento renascentista que surge o classicismo, apoiando ideias humanistas que valorizavam o ser humano acima de tudo. De certa maneira a intenção era resgatar os valores e ideais da antiguidade clássica com a assimilação da cultura Greco-latina. O nome classicismo decorre daí, “Ressurreição” dos escritores clássicos.

Esse período ficou marcado por grande turbulência religiosa com o surgimento dos ideais reformistas de Martinho Lutero. Este contava com o apoio da burguesia, o que originou uma grande guerra travada entre as religiões e o surgimento do protestantismo.

O significado de Humanismo está na categoria Geral

O que você achou deste artigo ?

Am e Pm | Amizade Colorida | Humanismo | Siglas Layout