Significado de Narrativa


O que é Narrativa



Narrativa é uma narração, uma exposição de fatos, uma história ou um conto. Dessa forma, uma pessoa pode contar sobre alguma coisa que aconteceu de várias formas ou linguagens disponíveis como, por exemplo, por meio de história em quadrinhos, novelas, romances ou mesmo através de notícias de jornal.

O que é Narrativa

Para fazer uma narração, é necessário utilizar alguns dos seguintes elementos: a palavra, a representação ou a imagem para que as demais pessoas possam compreender perfeitamente a mensagem que está sendo passada.

Elementos da Narrativa

A narrativa é composta basicamente dos seguintes elementos: o narrador (que é o responsável por contar a história), as personagens, a série de acontecimentos ou ação que são narrados, o tempo e o espaço em que esses fatos ocorrem.

O narrador seleciona os fatos a serem contados de acordo com a sua intenção e por isso cabe a ele ordená-los, como caracterizar o tom a ser utilizado na história, assim como as personagens que fazem parte dela.

Já na ação, tem-se o enredo como parte da trama narrativa que é composta pelos fatos. Os personagens, por sua vez, podem ser reais ou fictícios (pessoas, animais ou objetos) e os mesmos podem ser classificados como principais (protagonistas) ou secundários. Vale ressaltar a presença do opositor ou antagonista, que é o personagem que se coloca contrário ao protagonista, que pode ser considerado como um vilão ou inimigo.

Quanto ao tempo e espaço, estes geralmente são colocados no presente, pois são considerados os marcos narrativos. Para se construir o enredo, é necessário que se utilize os seguintes elementos:

Introdução: Deve conter as informações essenciais como, por exemplo, os personagens, o enredo, o espaço e o tempo;

Trama: É onde o narrador deverá relatar os fatos com o acréscimo devido de detalhes que são necessários para a compreensão do tema de modo que o leve a um mistério, o qual deverá ser desvendado no clímax;

Clímax: É o momento crucial da história que deve ser acompanhado de partes do texto dotados de dinamismo e emoção com o encaixe ideal para que se possa chegar ao desenlace;

Desenlace: É a conclusão dos fatos narrados. É o momento em que tudo ganha uma explicação e os mistérios são revelados.

Em uma narrativa, o narrador pode ocupar uma das três formas de foco, a saber:

Narrador-personagem: É a história contada por quem a vivenciou e por isso ele também é um personagem. Os fatos devem ser narrados em primeira pessoa;

Narrador-observador: Como o próprio nome indica é aquele que observa o acontecimento dos fatos e transmite os detalhes para o leitor. Utiliza-se a narração em terceira pessoa;

Narrador-onisciente: É aquele que conhece todos os detalhes e informações sobre o enredo e os personagens, os quais acabam revelando os seus sentimentos e pensamentos mais íntimos. É comum utilizar o discurso indireto livre.

Narrativa Literária

A narrativa literária ou ficção é o tipo de linguagem utilizada pelo escritor para inventar ou recriar uma realidade. Para que haja a verdadeira atenção do leitor durante toda a história é necessário que o enredo contenha um conflito que deverá ser resolvido no final. As formas de apresentação do texto narrativo podem ser em prosa ou em verso.

Deste modo, a narração situa os elementos no tempo, e por isso mesmo as palavras que prevalecem são os verbos que são responsáveis por expressar a ação, além dos pronomes pessoais. É comum observar em textos narrativos os verbos em tempos como o pretérito perfeito e o mais-que-perfeito. Em alguns casos, o presente histórico poderá ser empregado como uma espécie de atualização dos fatos para valorizar o passado. Os tipos de narrativas mais comuns são as seguintes:

Romance: É uma narrativa de acontecimentos ficcionais que representam os aspectos de vida dos personagens em sua intimidade e suas relações sociais. Os conflitos são marcantes e envolve tanto os protagonistas, como os personagens secundários;

Novela: É composta por vários personagens e o desenvolvimento da história se faz em uma sequência temporal devidamente marcada. Trabalha-se comumente a vida cotidiana;

Conto: É uma narrativa mais curta e por isso conta com poucos personagens. Há somente um conflito e o espaço e tempo são menores;

Crônica: É um tipo de narrativa marcada pela informalidade com que apresenta os aspectos da vida cotidiana com algumas denúncias realizadas de forma sutil contra os problemas sociais existentes;

Fábula: É uma narrativa caracterizada pela presença da figura de animais e possui um caráter pedagógico, já que transmite noções relacionadas à moral e a ética. Se no texto os personagens são representados por personagens inanimados é porque se trata de um apólogo.

Narrativa de aventura

É um tipo de narrativa cujas histórias são ricas em ação e suspense e que ocorre em meio a grandes desafios para os seus personagens principais. O protagonista é geralmente dotado de inteligência, habilidade, determinação e coragem suficientes a ponto de ser visto como um herói ou heroína, enquanto o seu antagonista é conhecido como o vilão ou vilã da história.

A linguagem empregada assim como o seu cenário tem o intuito de envolver emocionalmente o leitor por meio do suspense. As narrativas de aventura são verdadeiros registros da visão de sociedade feita pelo autor sobre um determinado povo ou época, bem como de seus hábitos e costumes. Os acontecimentos geralmente são marcantes e os resultados são inéditos, quando não considerados fantásticos. Como alguns exemplos de obras com esta característica têm-se: As viagens de Gulliver, Odisseia, As aventuras de Tom Sawyer, A Ilha do Tesouro e Ilíada.

O significado de Narrativa está na categoria Geral

O que você achou deste artigo ?

Am e Pm | Amizade Colorida | Narrativa | Siglas NCM