Significado de Tundra


O que é Tundra



Tundra é uma pequena vegetação acompanhada de musgos e liquens em regiões de temperaturas baixas. Seu nome é uma derivação de “tunturia” que, em finlandês, é o mesmo que planície sem árvores, embora muitos estudiosos apontem a origem do termo ao sami tundar (região montanhosa sem árvores) e que gerou o termo russo тундра que significa “terras altas”.

Assim sendo, é fácil encontrar neste tipo de vegetação gramíneas e arbustos. Grande parte da Tundra está localizada no hemisfério norte, em especial, países como a Sibéria, Rússia, Suécia, Finlândia, Noruega, Groenlândia, Alasca, costa ártica europeia e norte do Canadá. Todavia, é possível observar esse tipo de vegetação também no hemisfério sul nas regiões do Chile, no extremo sul da Argentina, ilhas e zonas do norte da Antarctica.

Como um tipo de vegetação apropriada para zonas polares, a mesma fica visível no período do verão, uma vez que o gelo que a cobre acaba derretendo. Esse mesmo gelo acaba se tornando um impeditivo ao desenvolvimento das plantas e se estas tiverem raízes longas, terão dificuldade maior. Formam-se assim pequenos pântanos e charcos, já que a água não consegue se infiltrar nas camadas inferiores.

Da mesma forma acontece com a matéria orgânica que acaba se decompondo demasiadamente lenta, devido às baixas temperaturas. Todavia, a vegetação de tundra utilizou-se da adaptação, para obter o desenvolvimento biológico. Sendo assim, as plantas crescem juntas em maciços, para se evitar o frio e a forte atuação dos ventos fortes. Deve-se ressaltar que as folhas desse tipo de vegetação são geralmente pequenas e por isso acabam retendo com facilidade a umidade do clima.

Ainda que o clima seja considerado bastante inóspito, é possível encontrar um bom número de espécies animais, como por exemplo: ursos polares, focas, lobos árticos, renas, lemingues, bois-almiscarados e o cisne da tundra. Por outro lado, anfíbios e répteis são dificilmente encontrados devido às baixíssimas temperaturas.

Tipos de Tundra

Existem dois tipos de Tundra, a saber: Tundra Ártica e Tundra Alpina. A primeira ocupa os territórios localizados nas regiões polares norte e sul. Caracteriza-se pelo frio excessivo, a falta de umidade, escassez de chuva, de luz e ausência de árvores.

Além do mais, o solo é pobre em nutrientes, mas o subsolo possui boa quantidade de recursos minerais. Na região polar, há a exploração de alguns desses recursos, como o petróleo. Em contrapartida, na região polar sul é possível encontrar algumas bases científicas.

Já a Tundra Alpina é um tipo que pode ser encontrado em vários países e nas áreas mais elevadas das montanhas, o que justifica o seu nome. Como há de se presumir, a temperatura nessa região é muito baixa, ainda mais devido à presença constante de ventos intensos. Nela, observa-se a presença de vegetais como: musgos, ervas, arbustos e animais como: o alce, insetos, marmotas e cabras.

Contudo, a Tundra possui semelhança com a Taiga, tendo em vista que ambas se desenvolvem em regiões frias com a ocorrência longa do período de inverno. A Tundra se diferencia da Taiga devido as seguintes características: é mais fria e as árvores são ausentes, enquanto na Taiga é comum encontrar árvores coníferas.

O significado de Tundra está na categoria Geral

O que você achou deste artigo ?

Am e Pm | Siglas | Tundra | Uhull Umbanda